domingo, 9 de outubro de 2011

Melada de Carvalho






Passeávamos uma manhã preparando e pensando no nosso novo apiário quando nos chamou a atenção um grupo jeitoso de abelhas e , claro vespas, à volta de umas árvores no limite do nosso espaço.
Olhamos com mais atenção e vimos a melada! Boa! as nossas abelhas vão ter aqui com que se entreter!
Ficamos bem contentes e continuamos o nosso passeio , pensando no nascer do sol, no por do sol, na orientação das colmeias e recordamos os nossos amigos, as suas experiências e os seus sábios conselhos neste aspecto em particular: orientar as colmeias e o apiário!





7 comentários:

Anónimo disse...

As minhas saudações apícolas!
Estive durante uma semana, em Setembro, em Penamacor. Havia uma abundante melada de carvalho, mas em vários dias nunca lá vi as abelhas, embora as colmeias estivessem perto.
Talvez tivessem outras fontes de néctar mais apetecíveis.
Um abraço.
Abelhasah.

Malijo disse...

Bom Dia, aqui em Bragança/Vinhais há bastante melada, mas só vi abelhas na melada em Agosto quando começou, como o abelhasah disse é provavelmente porque agora na floração de outono têm outras fontes Melhores.

Cump

Malijo

AnaPCarvalho disse...

Ola Amigos

As fotos aqui publicadas foram tiradas há cerca de 1 semana e ficmos admirados com a quantidade de melada existente e que até "pingava" para a terra!
Nunca tinhamos visto em tal quantidade!
Bj

Abelha Preguiçosa disse...

Olá!
Ana, reparem bem em que altura do ano começam a ver abelhas na melada!
Se nessa altura colocarem alças com cera puxada e limpas de mel podem ainda retirar um bom mel de melada! Dá um bocado de trabalho mas vale a pena!
Quando digo bom não estou a referir-me a quantidades, mas sim ao facto deste mel ser diferente do de flores.
Mas tem que ser em enxames que estejam a trabalhar bem na recolha, o que por vezes pode ser dificil de aferir.

Quanto à direcção das colmeias eu prefiro virá-las mais ou menos para o Sul, mas também tenho algumas viradas para nascente porque o terreno a isso obriga.
Uma coisa que me parece é que as viradas para sul agarram menos os quadros uns aos outros, o que faz com que o trabalho nas que estão viradas a nascente cause sempre um bocado mais de estragos. Mas isto é apenas uma impressão minha...
De qualquer modo as colmeias viradas para o sul apanham com o sol na entrada quando ele está na sua maior força no dia e no inverno frio isto deve ser importante.

Abraços
Ricardo

octávio disse...

Bons conselhos dados pelo Ricardo Pinto. Falou a experiência em muito tempo investido na observação. Grato pela partilha dessas experiências. Vamos colocar isso em prática. Pena é que deste ano não existe qualquer registo nosso sobre as meladas no local. A ter em atenção para a próxima época.
Abraço

António Sérgio disse...

Ricardo Pinto: " De qualquer modo as colmeias viradas para o sul apanham com o sol na entrada quando ele está na sua maior força no dia e no inverno frio isto deve ser importante. "

Subscrevo, e acrescento: abrigado dos ventos, longe de vizinhos, perto do carro, e terreno aberto sem muitos obstáculos para o apicultor.

José Nunes disse...

Olá sou um dos mais recentes Apicultores recentemente o meu avô deixou-me 8 colmeias e eu com algum trab de primavera já apanhei alguns enxames mas chegado o Outono deparei-me com muitos deles a deixar as colmeias ficando totalmente limpas as colmeias será que o local que escolhi não é o recomendado será falta de comida,e assim elas se vão embora? estou a fazer mais 30 colmeias para o proximo ano mas estou com medo se calhar tenho que escolher outro local para fazer um novo Apiario, Abraços e boas praticas apiculas.